Bio

     De ribeira em ribeira, de falésias em desertos, a música de Lizzie é uma íntima e vibrante viagem. Os grandes nomes da "chanson française" como Barbara fazem parte das suas influências, mas também Lhasa de Sela e Joan Baez. 

    Um dia, o Fado entrou na vida dela. Uma grande história de amor nasceu entre ela e, não só a língua portuguesa, tal como a poesia lusófona e o Fado

Estudou o português na universidade e viveu em Alfama, o mais fadista dos bairros de Lisboa. A arte poético-musical que é o Fado tornou-se num guia para o canto dela e as canções que escrevia.

     « Navigante » é o primeiro disco de Lizzie. Revela uma "chanson française" tintada de folk e de "saudade". Gosta de descrever a saudade a quem não fala português como uma mistura de nostalgia, melancolia e prazer: um tipo de ausência sentida quase com alegria. 

     Lizzie navega seguindo os seus sentimentos, em oceânos incertos... à beira de falésias, entre desejo, sonho e poesia. A cada canção afunda-se.

 

Mas sempre se afunda com prazer. 

"De ribeira em ribeira,
de falésias em desertos,
com a saudade agarrada à voz"
  • Facebook Social Icône
  • Instagram
  • Icône sociale YouTube
  • SoundCloud sociale Icône

Artista | LIZZIE officiel | France

chanson française

© 2019 LIZZIE. Créé avec Wix.com / CONTACT